Participe. Dê um power boost a VANDOORNE na próxima corrida

O belga Stoffel Vandoorne chega à terceira temporada do ABB FIA Formula E World Championship pela Mercedes-Benz EQ depois de garantir a primeira vitória da gigante alemã na sua temporada de estreia passada.

Com uma vasta experiência em corridas, o piloto belga entrou na categoria de carros 100% elétricos em circuito de rua em 2018 pela HWA Racelab, ampliando a já impressionante carreira no automobilismo. Na temporada 2019/20, Vandoorne foi para a recém-batizada equipe de Fórmula E Mercedes-Benz EQ com o envolvimento da Mercedes totalmente cristalizado.

A carreira de Vandoorne nos carros de corrida teve início aos seis anos, disputando campeonatos de kart. Com várias vitórias, o belga despontou em 2008, quando conquistou o título da temporada de KF2 belga daquele ano.

O ano seguinte marcou o início da carreira internacional de Vandoorne nos carros de corrida antes de chegar à F4 Eurocup em 2010, vencendo já em sua temporada de estreia. Em 2013, o piloto belga foi incluído no programa de jovens pilotos da McLaren antes de ser anunciado como piloto reserva oficial da McLaren Mercedes em 2014. 

Além da função desempenhada na Fórmula 1, Vandoorne disputou a GP2 Series pela equipe francesa ART Grand Prix. Depois de uma primeira temporada bem-sucedida pela equipe, ele ganhou o campeonato já no segundo ano. Um ano depois, Vandoorne substituiu o bicampeão mundial Fernando Alonso, lesionado, e fez sua estreia na Fórmula 1 no Grande Prêmio do Bahrein em 2016, terminando na zona de pontuação.

O piloto belga permaneceu na McLaren antes de ser contratado pela HWA Racelab em outubro de 2018. Ao lado do campeão de DTM, Gary Paffett, os dois formam a dupla de pilotos titulares da equipe em sua temporada de estreia no campeonato de corrida de carros 100% elétricos em circuito de rua.

Com a transição da HWA para uma equipe totalmente de fábrica da Mercedes-Benz na Temporada 6, Vandoorne formou a dupla de pilotos com o estreante Nyck de Vries e levou a Silver Arrow 01 ao primeiro pódio na abertura da temporada em Diriyah e à primeira vitória no grande final de Berlim para marcar uma campanha impressionante para a marca alemã. A dupla retorna na Temporada 7 - a primeira da Fórmula E como um campeonato mundial da FIA - tendo o título em vista.

Mais perfis