02 set 20

Os novos vencedores da Fórmula E: Alexander Sims

A temporada 2019/20 da ABB FIA Fórmula E teve quatro novos vencedores, o primeiro deles foi Alexander Sims em Ad Diriyah.

Sims entrou na série de carros elétricos da quinta temporada como piloto da equipe BMW i Andretti Motorsport e estava prestes a sair como o vencedor de seu primeiro campeonato na corrida final em Brooklyn, quando largou da pole position e liderou as 16 primeiros voltas antes de ser ultrapassado por Robin Frijns, que triunfou deixando o britânico na segunda posição.

No entanto, Sims não teve que esperar muito para se vingar, pois na segunda corrida de Ad Diriyah, onde a Fórmula E abriu sua temporada de 2019/20 em novembro passado, ele obteve uma vitória retumbante.

O piloto da BMW i Andretti Motorsport alcançou a pole position e controlou as ações de ponta a ponta para cruzar a linha de chegada com quase três segundos de diferença sobre Lucas Di Grassi, piloto da Audi Sport ABT Schaeffler, em uma corrida onde Stoffel Vandoorne da Mercedes Benz EQ Formula E Team, completou as posições do pódio.

Essa vitória colocou Sims na frente do campeonato antes da terceira rodada marcada para janeiro em Santiago do Chile, mas ele teve que desistir antes de completar a corrida no Parque O'Higgins após um incidente. A competição foi vencida por seu companheiro de equipe, Maximilian Gunther, também se tornando um novo vencedor na Fórmula E.

No Eprix da Cidade do México, Sims alcançou a quinta posição após largar do 18º lugar e em Marraquexe teve que se retirar antes devido a problemas na transmissão de seu carro depois de se classificar em oitavo.

Esses resultados deixaram a Sims na terceira posição do campeonato rumo à retomada da temporada em Berlim, onde a série disputou seis corridas em nove dias. Infelizmente a passagem pelo antigo aeroporto de Tempelhof foi um pesadelo para a BMW i Andretti Motorsport e particularmente para Sims.

Sua melhor posição inicial ao longo das seis competições foi o 14º lugar e na corrida ele somou apenas três pontos graças a uma nona posição na primeira corrida e um décimo lugar na terceira corrida, que o fez cair para 13° lugar no campeonato de pilotos, o mesmo que obteve na temporada passada.

"É uma pena que uma temporada que começou tão bem para mim em Ad Diriyah tenha terminado assim. Não consegui encontrar o ritmo em Berlim. Quando chegamos, pensei que iríamos lutar por uma vaga entre os três primeiros do campeonato de pilotos. Portanto, cair tão baixo na tabela teve um sabor amargo para mim", disse Sims após o fim da temporada.

Rumo ao sétimo campeonato de Fórmula E, Sims deixará a BMW i Andretti para ingressar na Mahindra Racing, marcando um novo e empolgante desafio para o piloto de 32 anos, que tentará obter mais vitórias na categoria de carros elétricos.