28 jul 20

Porsche quer mais pódios e não descarta vitória em Berlim

A equipe Tag Heuer Porsche está buscando ser uma das grandes protagonistas nas seis corridas da ABB FIA Fórmula E no antigo aeroporto de Tempelhof em agosto.

A Porsche e a Mercedes foram as grandes novidades do campeonato de carros elétricos para a temporada 2019/20. A única diferença é que a marca de Stuttgart está atravessando seu primeiro ano na Fórmula E, enquanto a sua colega alemã já teve uma experiência no concurso anterior pela HWA.

Em novembro de 2019, no início da Temporada, André Lotterer alcançou o pódio para Tag Heuer Porsche na primeira corrida da equipe em Ad Diriyah, cumprindo nessa primeira competição um objetivo que a organização mais tarde considerou viável.

É por isso que, antes das seis corridas em nove dias que serão realizadas nos dias 5 e 6, 8 e 9 e 12 e 13 de agosto, a Porsche sonha em adicionar mais troféus e não descarta uma vitória.

"O objetivo desta temporada era subir ao pódio pelo menos uma vez. Conseguimos isso na primeira corrida. Confirmamos esse desempenho com a pole position no México. E agora nosso objetivo é confirmar essa tendência e ter alguns pódios em Berlim. Este é um objetivo, mas também buscamos alcançar nossa primeira vitória.", disse Pascal Zurlinden, chefe da Tag Heuer Porsche.

Lotterer, por sua vez, alerta que "será uma evolução muito interessante para observar" para cada equipe em cada corrida e Berlim, pois, embora a pista mude a cada duas corridas, será a primeira vez que a Fórmula E faz várias corridas no mesmo cenário.

"Será interessante ver quem evolui melhor ao longo dos dias. E acho que isso será uma grande parte do desempenho de todos. Porque na Fórmula E, nunca tivemos muito tempo na mesma pista. Sempre temos muito pouco tempo para mostrar nossa performance. Nesse sentido, haverá muita evolução e tenho certeza de que temos uma boa equipe, aprendemos muito desde o início da temporada ", afirmou o piloto alemão.

“Estamos trabalhando muito para continuar melhorando. Por isso, estou otimista em obter um bom desempenho, e sim, como disse Pascal, os pódios são o objetivo, mas também para mim definitivamente estamos buscando as seis vitórias, como muitos outros pilotos, mas sim, esse é o objetivo e eu acho que é realizável”, acrescentou.

Enquanto isso, Neel Jani está em trânsito na sua primeira temporada completa na Fórmula E e até agora o suíço não alcançou os resultados desejados, já que com cinco corridas disputadas ele não conseguiu marcar pontos, algo que ele espera mudar em Tempelhof.

"Esta grande final eu diria que é um campeonato em si. Seis corridas em nove dias. Acho que nenhum de nós passou por isso antes."

“Tudo é possível, de pontos altos a pontos baixos. Então, claramente para nós, ou para mim, nessas seis corridas, queremos marcar bons pontos e fazer o que não pude fazer nas primeiras corridas.”, afirmou o suíço.