18 fev 20

Como ficou o campeonato após o E-Prix da Cidade do México?

Mitch Evans, vencedor no sábado passado no Hipódromo Hermanos Rodríguez, tornou-se o novo líder do campeonato de Fórmula E da ABB FIA por apenas um ponto.

O piloto da Nova Zelândia completou um desempenho dominante na quinta edição do E-Prix da Cidade do México, assumindo a liderança nos primeiros metros à frente de André Lotterer (equipe TAG Heuer Porsche). A partir daí, o representante da Panasonic Jaguar Racing completou um dominou o desempenho na pista para alcançar a vitória e se vingar do ocorrido em Santiago do Chile, quando alcançou a pole, mas ficou apenas em terceiro na corrida.

Os resultados das duas últimas competições permitem que Evans, depois de não ter somado pontos no duplo inicial de Ad Diriyah em novembro passado, suba para 47 pontos e se torne o novo líder do campeonato.

Evans é o quarto líder diferente da Fórmula E no que vai da temporada 2019/20, considerando que Sam Bird (Envision Virgin Racing) foi o primeiro a obter a vitória da competição na primeira corrida de Ad Diriyah, e que logo após foi a vez de Alexander Sims (BMW e Andretti Motorsport) ao vencer na segunda competição e de Stoffel Vandoorne (equipe Mercedes EQ Fórmula EQ) quem saiu como líder após o E-Prix de Santiago.

Sims, com sua quinta posição na Cidade do México, acumula 46 unidades e é o segundo no campeonato a apenas um ponto de Evans, enquanto Antonio Felix da Costa (DS Techeetah), que conquistou seu segundo pódio consecutivo, é o terceiro com 38 pontos, um a mais que Vandoorne, que pela primeira vez na temporada não terminou entre os dez primeiros e não somou pontos.

Em quinto lugar, aparece Lucas Di Grassi, que ainda não terminou de brilhar até agora nesta temporada. Entretanto, com base na regularidade (ele foi o segundo na segunda corrida de Ad Diriyah, sétimo em Santiago e sexto no México) permanece na expectativa com 32 pontos enquanto aguarda o desempenho ideal com a Audi Sport ABT Schaeffler.

Bird continua perdendo terreno depois de sair de mãos vazias na capital mexicana após um erro enquanto lutava por posições avançadas. O britânico tem 28 unidades, 26 das quais obteve quando venceu em Ad Diriyah, e está empatado com Oliver Rowland (Nissan e.dams), sétimo no Hipódromo Rodríguez Brothers.

As dez primeiras posições são completadas por Max Gunther (BMW e Andretti Motorsport), Edoardo Mortara (ROKiT Venturi Racing) e Lotterer, com 25, 22 e 21 unidades cada um respectivamente.

Entre os construtores, a BMW i Motorsport continua líder, agora com 71 pontos, enquanto a Panasonic Jaguar Racing transferiu a Mercedes Benz EQ Formula E Team da segunda posição por apenas uma unidade (57 a 56). DS Techeetah é o quarto com 55 pontos.

Em 29 de fevereiro no Marrakech, Marrocos, o campeonato de carros 100% elétricos disputará a quinta rodada de sua temporada 2019/20, onde novamente as emoções prometem estar a flor da pele e, como vimos até agora, tudo pode mudar no mundo das posições.