Todas as estatísticas de tempo

Corridas

58

Vitórias

2

Pódios

9

A Geox Dragon tem sido um dos pilares da Fórmula E desde a primeira temporada, competindo em todas as corridas até hoje. Fundada por Jay Penske em 2007, a equipe é a única 100% norte-americana do grid. 

Com uma história que remonta à primeira corrida de Fórmula E em Pequim, em 2014, a equipe entrou na categoria 100% elétrica depois de sete anos competindo na IndyCar. Fundada por Jay Penske em 2007, a Geox Dragon tem sede em Los Angeles, Califórnia, o maior mercado metropolitano de VE (veículo elétrico) do mundo, com operações adicionais no Reino Unido, no circuito de Donington Park.

Começando muito bem, a equipe acabou vice-campeã, ficando atrás da Renault e.dams, na primeira temporada antes de cair para o quarto lugar no ano seguinte. Na terceira temporada da Fórmula E (2016/17), a equipe fez uma parceria com a Faraday Future, fabricante californiana de carros elétricos, e passou a ser a Faraday Future Dragon Racing. Apesar da nova parceria, a equipe terminou em oitavo, marcando apenas 41 pontos ao longo da temporada. Desfazendo a parceria com a Faraday Future na temporada 2017/18, a equipe voltou a usar a marca Dragon. Com Jose "Pechito" Maria Lopez e Jerome d'Ambrosio ao volante, a equipe terminou uma temporada difícil em segundo lugar.

Para a temporada 2018/19, a equipe recém-batizada Geox Dragon vê o primeiro piloto Jose-Maria Lopez se juntar ao estreante Felipe Nasr em busca do título na quinta temporada ao volante do novo Penske EV-3 Gen2. 

OS PILOTOS